Foto_004.jpg
Foto_003.jpg

A origem do nome só nos chega por ecos de vozes antigas, proferidas ainda no início do Século XVIII. Desses resquícios surge o relato de uma área pantanosa, onde animais xucros e bravos encalhavam no lamaçal, vindo a região, depois, a ser conhecida como Vaca Brava.

Nasceu floresta e tornou-se rapadura de cana-de-açúcar, cafezal, plantação cisaleira e voltou para a cana, dessa vez produzindo cachaça.

Conhecer o Vaca Brava é adentrar num mundo de coisas, fazeres e saberes seculares. Seja na casa grande, cujas paredes foram erguidas há mais de 140 anos e que, dentre outros personagens, abrigou o escritor José Américo de Almeida; seja por sua moenda a vapor, importada da França em 1884, construída pela mesma empresa que instalou os elevadores da Torre Eiffel, ou pelas histórias choradas e sorridas pelos personagens que viveram e trabalharam sobre suas terras.

Foto_007.jpg
Foto_004.jpg